sexta-feira, setembro 16

Pausa

Pausa
Tua boca crua
No vazio

Ruído
Tua mão
Na pele nua

Silêncio.
Espaços de tempo,
minutos em horas.

Es
pera,
lavanda,
demora.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

10:20